/ Tratamentos

  • ORTODONTIA

    ORTODONTIA

    É especialidade odontológica cujo objeto é prevenir e corrigir estados de anormalidade no alinhamento dos dentes.

    Dentes tortos ou dentes que não se encaixam corretamente são difíceis de serem mantidos limpos, podendo ser perdidos precocemente, devido à deterioração e à doença periodontal. Também causam um estresse adicional aos músculos de mastigação que pode levar a dores de cabeça, síndrome da ATM e dores na região do pescoço, dos ombros e das costas. Os dentes tortos ou mal posicionados também prejudicam a sua aparência.

    O tratamento ortodôntico torna a boca mais saudável, proporciona uma aparência mais agradável e dentes com possibilidade de durar a vida toda.

    O especialista neste campo é chamado de ortodontista. Os ortodontistas precisam fazer um curso de especialização, além dos cinco anos do curso regular.

    Se você apresenta algum dos problemas abaixo, pode ser um candidato para o tratamento ortodôntico:

    • Sobremordida ou mordida profunda- Nesses casos, os dentes anteriores superiores recobrem mais do que o "normal" os dentes inferiores, conferindo um sorriso desagradável e problemas de mastigação. Os dentes inferiores podem, inclusive, estar tocando no palato e na gengiva do arco superior.
    • Mordida cruzada anterior — uma aparência de "bulldog", quando a arcada inferior está projetada muito à frente ou a arcada superior se posiciona muito atrás.
    • Mordida aberta— espaço entre as superfícies de mordida dos dentes anteriores e/ou laterais quando os dentes posteriores se juntam.
    • Diastema — falhas, ou espaços, entre os dentes como resultado de dentes ausentes ou dentes que não preenchem a boca.
    • Apinhamento —ocorre quando existem dentes demais para se acomodarem numa arcada dentária pequena.

    01
    02
    03
    04

  • REABILITAÇÃO ORAL

    REABILITAÇÃO ORAL
    O que é reabilitação oral?

    A reabilitação oral une diversos procedimentos das áreas de endodontia (tratamento do canal do dente) periodontia (gengiva) , ortodontia (aparelhos dentários) , implantodontia (implantes que substituem a raiz do dente perdido), prótese (colocação das coroas dos dentes perdidos e estética (clareamento, restaurações, limpeza, etc.) com o objetivo de recuperar globalmente a saúde bucal comprometida.

    Em que melhoramos nossa saúde com a reabilitação oral?

    A grande vantagem oferecida pela reabilitação oral é reestabelecer:

    Mastigação - que chamamos de “função”;

    Beleza - que chamamos de estética

    Saúde - removendo infecções ou evitando que elas aconteçam.

    Como podemos estar com a saúde bucal comprometida?

    A falta de um dente, por exemplo, pode desencadear a movimentação dos dentes vizinhos, alterando o posicionamento da arcada ou levando o paciente a desenvolver o hábito de mastigar apenas do lado oposto ao dente perdido, sobrecarregando a musculatura e a dentição.

    Como é realizada a reabilitação oral?

    É importante que a reabilitação comece com o tratamento periodontal para que as gengivas estejam em perfeita saúde. A gengiva é o “terreno” onde estão localizados as construções e os edifícios.

    A boa higiene mantém o terreno saudável.

    O que é importante fazer na primeira consulta de análise?

    Em primeiro lugar ensinar ao paciente a cuidar da higiene das gengivas.

    Em segundo, realizar exames de imagem (tomografias e/ou raio-x e realizar moldagens das arcadas superior e inferior para checar a mordida do paciente).

    Fazemos um exame clínico completo nas arcadas e dentes e buscamos conhecer por meio de perguntas sobre o histórico do paciente quanto à parte sistêmica com o intuito se observar se existe alguma disfunção no organismo que possa influenciar em seu estado atual e/ou em seu tratamento.

    Por fim, inicia-se o planejamento do caso, onde o dentista irá mostrar todo o andamento do processo, tirar as dúvidas do paciente e o que ele pode esperar como resultado.

    Uma dentição completa e bem articulada evita problemas na mandíbula e no maxilar, que podem se desenvolver em transtornos maiores e prejuízos mais complexos no futuro.

  • IMPLANTODONTIA

    IMPLANTODONTIA

    Estima-se que ao longo de um ano, usamos os nossos dentes em torno de 200 mil vezes.
    Por isso, vale a pena conhecer o que é a implantodontia e como ela pode ajudar a recuperar a qualidade de vida de quem precisa repor um ou mais dentes.

    O que é a implantodontia:

    É o conjunto de técnicas empregadas para implantar ou reimplantar dentes.

    A cirurgia para colocar implantes dentários não é um processo complicado. Com as atuais técnicas e sem imprevistos, a instalação de um implante leva, normalmente, de 20 a 30 minutos. O procedimento pode ser realizado no próprio consultório do dentista com anestesia local e o paciente não sente dor em nenhum momento.

    Com a Implantodontia são feitas desde reabilitações unitárias ate grandes reabilitações totais fixas ou removíveis.

    Como os implantes são fixados no osso abaixo da gengiva, quem adere ao procedimento pode praticar os momentos mais simples da vida com tranquilidade e sem receio, como falar, sorrir e comer.

    Quem tem implantes também precisa incluir o uso do fio dental na sua higiene. Com o modelo superfloss, especialmente desenvolvido para esses tipos de pacientes, a remoção dos resíduos entre os dentes fica ainda mais eficaz.

    O sistema digestivo da pessoa fica beneficiado porque os alimentos são corretamente triturados. Não ter dentes significa não mastigar os alimentos e isso origina problemas gastrointestinais assim como problemas digestivos. Com os dentes sobre implantes dentários o organismo funciona melhor e com mais saúde.

    É necessária uma consulta de avaliação clínica e estudo de imagens do paciente para que possa ser feito um planejamento individualizado para cada caso.


    IMG 5442
    IMG 5443
    IMG 5444
    IMG 5445
    IMG 5446
    IMG 5447

  • PRÓTESES CONVENCIONAIS MÓVEIS E SOBRE IMPLANTES

    PRÓTESES CONVENCIONAIS MÓVEIS E SOBRE IMPLANTES

    Próteses são aparelhos utilizados em substituição aos dentes ausentes que podem ser fixas ou retiradas e recolocadas na boca.

    Embora leve algum tempo para que a pessoa consiga se habituar a utilizá-las e embora não sejam exatamente iguais aos dentes naturais, atualmente elas oferecem uma aparência mais natural e maior conforto quando comparadas a aquelas de alguns anos atrás.

    As próteses são feitas sob medida em parceria entre o dentista e o técnico em prótese dental, a partir de moldes tirados de sua boca. Seu dentista irá determinar qual dos três tipos de próteses descritas abaixo é o melhor para você.

    Prótese Total Convencional (dentadura)

    A prótese total convencional é colocada em sua boca depois que os dentes remanescentes foram extraídos e os tecidos cicatrizarem. A cicatrização pode demorar vários meses, período que exigirá um reembasamento da prótese que será instalada, de forma a diminuir as cargas que incidirão sobre o tecido. As etapas de confecção da prótese devem ser aprovadas por você paciente e pelo seu dentista, desde a cor, formato e tamanho dos dentes que serão utilizados. É interessante apresentar ao seu dentista fotos que mostrem como eram seus dentes para que ele tenha um parâmetro na confecção deste aparelho. Não é recomendável que paciente durma todos os dias com este aparelho, já que a salivação durante a noite é reduzida e isso pode favorecer o aparecimento de fungos e bactérias, neste período a prótese pode ser colocada em um recipiente com água. A higienização das próteses deve ser feita pós-refeições.

    Prótese Parcial Removível

    A prótese parcial removível consiste em uma estrutura metálica que se apóia nos dentes naturais e rebordo (osso e tecido). Algumas vezes, são colocadas coroas sobre alguns dos dentes naturais e que servem como apoios para a prótese. Essas próteses devem estar bem ajustadas em todos os tecidos e não deve causar lesões em sua boca. Próteses parciais removíveis oferecem uma alternativa móvel para as pontes e é possível conseguir boa estética e função e com essa modalidade protética.

    A Prótese sobre implantes é a substituição de dentes ausentes utilizando pinos de implantes como sustentação.

    Temos três tipos de tratamentos no caso de ausência total dos dentes:

    Overdenture (removível)

    A overdenture é uma prótese de simples confecção, instalada sobre dois ou quatro implantes, dando condições adequadas de retenção. Ela é uma prótese removível, de todos os dentes, que tem uma retenção maior do que uma prótese convencional (dentadura), pois é fixada sobre os pinos de implante dando maior segurança ao paciente.

    Protocolo Fixo

    É uma prótese fixa instalada sobre pinos de implantes de todos os dentes. A principal vantagem é devolver a função mastigatória. Com o sistema comum de dentadura, o paciente tem em média 20% do poder de mastigação original, já com o protocolo fixo sobre implantes, esse percentual sobe para 85%.

    Parcial Fixa

    É uma prótese fixa instalada sobre os pinos para substituir pequena quantidade de dentes , podendo ser até mesmo uma prótese unitária, evitando os processos de desgaste dos dentes necessários para o tratamento utilizando pontes fixas.


    IMG 6026
    IMG 6027
    IMG 6029
    IMG 6030
    IMG 6031
    IMG 6033
    IMG 6034
    IMG 6035
    IMG 6037
    IMG 6038
    IMG 6039

  • SORRISO GENGIVAL

    SORRISO GENGIVAL

    O sorriso gengival é marcado pela excessiva exposição da gengiva na boca do paciente. Esse problema pode ser acentuado devido a fatores como:

    • Formato e tamanho grande dos dentes;
    • Comprimento maior do lábio superior;
    • Posição verticalizada da mandíbula superior em relação ao tamanho do crânio.
    • De maneira geral, esse tipo de problema é mais frequente entre as mulheres. Ele pode surgir por uma série de motivos, desde distúrbios hormonais até as disfunções nos músculos.

    Principais causas desse problema:

    • Hipertrofia gengival
    • Lábios pequenos
    • Distúrbios hormonais
    • Coroas dos dentes curtas
    • Hiperatividade dos músculos elevados
    • Excesso de maxilar
    • Após a identificação da causa do problema, o profissional especializado pode iniciar o tratamento ideal para resolver o problema.

    Podem ser realizadas desde cirurgias de reposicionamento de lábio, confecção de coroas dentárias maiores com plastia gengival, aplicação de botox, até cirurgia ortognática. Assim, o paciente pode recuperar não só a estética do sorriso, como também a sua saúde bucal como um todo.


    IMG 6563
    IMG 6564
    IMG 6565

  • CIRURGIAS PERIODONTAIS

    CIRURGIAS PERIODONTAIS

    A cirurgia plástica periodontal abrange técnicas que tem como objetivo corrigir defeitos nos tecidos moles (gengiva e mucosa) e no tecido duro (osso). Esses defeitos podem ocorrer naturalmente (aqueles que nascem conosco) ou podem ser sequelas de periodontite (doença inflamatória que causa perda de osso e gengiva), lesões de cáries profundas, extrações dentárias e traumas (acidentes). Um dos defeitos mais comuns são as retrações gengivais (recuo da gengiva com exposição da raiz), que podem ocorrer devido a escovação inadequada ou como sequela da perda de inserção dentária decorrente da periodontite. Existem ainda desníveis na margem da gengiva, que deixam o sorriso assimétrico (desnivelado). Outra situação que ocorre com grande frequência é o sorriso gengival, em que grande faixa de gengiva é exposta ao sorrir. Muitas vezes, diante de uma lesão de cárie profunda ou de uma fratura dentária, o nível do dente fica subgengival (dentro da gengiva) e essa situação exige que seja feita uma cirurgia para correção desse nível. Comumente, as extrações dentárias e os traumas levam a perda tanto de gengiva como de osso e no momento da reabilitação com implantes podem ser necessárias as cirurgias plásticas periodontais para aumentar o volume desses tecidos.

    As técnicas de recobrimento radicular tem como objetivo corrigir os defeitos de retrações. Nesse caso, a indicação da cirurgia está relacionada com a queixa estética. O periodontista deve avaliar o caso para escolher a técnica mais adequada e verificar se é possível ou não realizar o procedimento. As cirurgias de recobrimento radicular podem ser ou não associadas a enxertos de gengiva, que podem ser retirados da própria boca do paciente ou podem ser comprados. Esses materiais comprados são de origem animal e são devidamente tratados e verificados pela ANVISA. Portanto, seu uso não oferece nenhum risco ao paciente.

    Os enxertos de gengiva também são realizados em regiões ao redor de implantes para melhorar o resultado estético e para diminuir a sensibilidade da gengiva próxima ao implante. Quando o indivíduo sofre um trauma, pode ser necessária tanto a realização de enxerto ósseo, como de gengiva para melhorar o resultado estético após a reabilitação. Isso porque muitas vezes o trauma causa grandes perdas teciduais (dente, osso, gengiva).Outra situação que gera essa perda tecidual é a periodontite e a peri-implantite (doença ao redor de implantes). Dessa forma, quando a reabilitação é realizada após o tratamento dessas doenças, as técnicas de enxertia podem ser muito importantes na obtenção de resultados mais satisfatórios do ponto de vista funcional e estético.

    Quando existem lesões de cáries grandes e profundas, acontece também uma grande destruição do elemento dentário. Nesse caso, a borda do dente fica numa posição subgengival e isso exige que seja realizada uma cirurgia corretiva com o objetivo de deixar o bordo do dente na região externa à gengiva (aumento de coroa protético). Isso possibilita que o dentista faça a restauração do dente de forma adequada e evita que haja inflamação da gengiva e perda óssea ao longo do tempo. A mesma situação ocorre quando o dente sofre alguma fratura extensa.

    Algumas pessoas apresentam uma desarmonia na linha da gengiva, deixando o sorriso assimétrico. Nesses casos, podemos realizar cirurgias para corrigir e harmonizar a linha da gengiva (gengivectomia, gengivoplastia, aumento de coroa estético). Essa técnica também é realizada nos casos de sorriso gengival. O especialista deve analisar detalhadamente o sorriso, a gengiva, dentes e face do paciente para verificar se é possível realizar a técnica.

    Podem ainda existir pigmentações escuras na gengiva, chamadas de pigmentações melânicas. Elas podem ser observadas em indivíduos afrodescendentes, orientais e em pacientes tabagistas. Alguns pacientes se incomodam com essas pequenas manchas e solicitam a sua remoção. Então, o periodontista pode realizar a remoção da pigmentação. Essa abordagem pode ser denominada de peeling gengival.

    Em algumas situações, pode ser necessária a remoção de freios e bridas, que são pregas do músculo do lábio (superior ou inferior) e da língua. Essas pregas podem atrapalhar a escovação, gerando dor e impedindo que a escova alcance certos locais, podem causar diastemas (espaços entre os dentes), dificuldade fonética (da fala) e de mastigação, e podem facilitar a ocorrência de retrações da gengiva. Então, indica-se a remoção dessa prega de forma cirúrgica, melhorando tanto a função como a estética.

    As técnicas de cirurgia plástica periodontal devem ser consideradas quando o planejamento do tratamento do paciente é realizado. Esses procedimentos possibilitam a melhora nos resultados funcionais e estéticos, trazendo a satisfação e bem-estar do paciente.


    IMG 6019
    IMG 6021
    IMG 6022
    IMG 6023
    IMG 6024
    IMG 6025

  • CIRURGIAS DE DENTES INCLUSOS

    CIRURGIAS DE DENTES INCLUSOS

    Dente incluso, também denominado dente impactado ou dente retido, é um dente que não consegue irromper na cavidade bucal até atingir sua posição normal na arcada, dentro do período esperado.

    Em decorrência disto, pode surgir casos de pericoronarite, um tipo de infecção que se dá em volta da coroa do dente.

    É possível também que o dente incluso cause a reabsorção na raiz do dente adjacente a ele.

    Os dentes mais comumente impactados são os terceiros molares superiores e inferiores, seguidos pelos caninos superiores e os pré-molares inferiores. Os terceiros molares são os mais frequentemente impactados, pois são os últimos dentes a erupcionar, e por isso os que tem mais possibilidade de não encontrarem espaço para a erupção.

    A extração é realizada com aplicação de uma anestesia local e a cirurgia pode ser feita sem riscos em qualquer idade.

    A duração do procedimento varia conforme a dificuldade da cirurgia e quantidade de dentes que será retirada. Em média, leva menos de 30 minutos para ser feita (por dente). Mas em alguns casos, pela facilidade, pode levar bem menos tempo. Mas tudo depende da posição e conforme o quadro do paciente.


    IMG 6002
    IMG 6003
    IMG 6004
    IMG 6005
    IMG 6006
    IMG 6007
    IMG 6008
    IMG 6009
    IMG 6010
    IMG 6011
    IMG 6012
    IMG 6013
    IMG 6014
    IMG 6016
    IMG 6017
    IMG 6018

  • TRATAMENTO DE CANAL

    TRATAMENTO DE CANAL

    O tratamento do canal é necessário quando uma lesão ou cárie significativa danifica a polpado dente. A raiz fica infectada ou inflamada. O dentista anestesia o dente. Uma abertura é feita através da coroa do dente até a câmara da polpa.

    Os canais são obturados com material permanente. Tipicamente, isso é feito com um material conhecido como guta-percha que ajuda a manter os canais livres de infecção ou contaminação.

    Um material de preenchimento temporário é colocado no topo da guta-percha para vedar a abertura. O material permanece até que o dente receba um preenchimento permanente (restauração) ou uma coroa. A coroa se parece com um dente natural e é colocada sobre o topo do dente.

    Em alguns casos, coloca-se um pino na raiz, próximo à guta-percha para dar mais suporte à coroa.

    Dicas de cuidados após um TRATAMENTO DE CANAL

    Dentes tratados e restaurados podem durar uma vida com os devidos cuidados. Os tratamentos de canal possuem altas taxas de sucesso. Veja algumas formas de cuidar dos seus dentes após um tratamento de canal:

    • Pratique boa higiene bucal – Escove os dentes três vezes por dia e utilize o fio dental no mínimo uma vez. Cuidar dos seus dentes pode ajudar a prevenir problemas futuros.
    • Visite o dentista regularmente – Limpezas e exames por dentistas.
    • Evite mastigar alimentos duros – Mastigar elementos duros como gelo pode fazer com que os dentes quebrem e danifiquem os canais de raízes.

    • IMG 6040
      IMG 6041
      IMG 6042
      IMG 6043
      IMG 6044
      IMG 6045
      IMG 6046
      IMG 6047
      IMG 6048

  • ESTÉTICA DENTAL

    ESTÉTICA DENTAL

    Quando a estética dental está comprometida, não são apenas os dentes ou as funções da fala e da mastigação que ficam prejudicados. A autoestima das pessoas fica abalada, prejudicando a qualidade dos seus relacionamentos sociais.

    Por essa razão, a estética é fundamental tanto para a saúde física quanto para o equilíbrio emocional de pacientes de todas as idades.

    Entre os serviços que oferecemos na área da odontologia estética estão os clareamentos dos dentes, restaurações de resinas diretas, facetas dentais e restaurações de inlay e onlay em cerâmica.

    A restauração de dentes também é uma medida importante para a saúde individual, já que a permanência de cáries pode causar problemas em vários níveis, além de criar problemas na mastigação dos alimentos.


    IMG 5437
    IMG 5438
    IMG 5439
    IMG 5440
    IMG 5441

  • RONCO E APNÉIA DO SONO

    RONCO E APNÉIA DO SONO

    A apnéia obstrutiva do sono ocorre quando os músculos da garganta relaxam durante o sono e as vias respiratórias se fecham, impedindo a respiração adequada. O paciente nesse caso, pode produzir um ronco ou um som semelhante ao sufocamento.

    Após um correto diagnóstico, através de uma consulta e de exames específicos, como um apurado exame físico e um exame de polissonografia, podemos classificar a apneia em leve, moderada ou grave.

    Em todas, algumas mudanças de hábito devem ser instituídas e um tratamento multidisciplinar pode ser necessário.

    Nos casos de apneia leve ou moderada, um aparelho intra-oral anti-ronco e apneia é confeccionado no dentista e tem como finalidade manter a mandíbula em sua posição adequada, evitando assim a ocorrência do ronco ou da apneia, proporcionando uma noite de sono tranquila, tanto para o paciente como para seus familiares.

    Em alguns casos, há a possibilidade de utilização de aparelhos que forneçam ar continuamente ao paciente, chamados CPAP. Nos casos mais graves, o tratamento pode ser cirúrgico através da cirurgia ortognática, realizada por um cirurgião buco-maxilo-facial.

    Alguns sintomas da apnéia do sono são: sonolência diurna excessiva, respiração ofegante ou engasgos durante o sono, sono agitado, falta de concentração e foco no trabalho, perda de memória, irritabilidade, hipertensão, depressão, dores de cabeça de manhã, redução da libido e idas frequentes ao banheiro à noite.


    527e9b76 52cc 4e93 839e 58222177bc0d
    IMG 6561
    IMG 6562

  • ALINHADORES ESTÉTICOS

    ALINHADORES ESTÉTICOS

    Dentes tortos, nunca mais.

    Invisalign, o alinhador mais avançado do mundo.

    INVISALIGN é a alternativa quase invisível aos aparelhos ortodônticos convencionais, porque ao invés de movimentar os dentes por meio de peças coladas aos dentes do paciente.

    Utiliza jogos de moldeiras sequenciais removíveis, chamadas de alinhadores, que são feitos sob medida para cada etapa do tratamento.

    Ao iniciar o tratamento o paciente já saberá quantos alinhadores INVISALIGN utilizará no seu tratamento e terá uma ideia aproximada da duração do tratamento, porque normalmente cada alinhador é utilizado por duas semanas, 22 horas por dia.

    Por não utilizar peças coladas aos dentes e por consequência não utilizar fios ortodônticos, oferece extremo conforto e facilidade de higienização. O paciente pode se alimentar sem nenhum aparelho na boca e pode realizar a sua higiene bucal removendo o aparelho o que não é possível no tratamento convencional, o que acaba facilitando o controle a ocorrências de cáries e gengivites. O INVISALIGN é muito indicado para crianças e pacientes que possuem comprometimento na saúde da gengiva, como as gengivites e periodontites.

    Pode ser utilizado para tratar a maioria dos problemas comuns na ortodontia, e é indicado tanto para pacientes adultos como adolescentes.

    É importante salientar que o tratamento com INVISALIGN é realizado somente por profissionais credenciados pela Invisalign do Brasil, que por sua vez só credencia Cirurgiões-Dentistas especializados em Ortodontia e reconhecidos pelo Conselho Federal de Odontologia, garantindo assim que o paciente será atendido por profissionais especializados nesta área de atuação.


    IMG 6941
    IMG 6942
    IMG 6944
    IMG 6946
    IMG 6947
    IMG 6948

INSTITUCIONAL

Formação Graduação em Odontologia pela Universidade Gama Filho e Pós Graduação em Ortodontia pela Universidade Unigranrio

MAPA DO SITE

  • Home
  • Sobre
  • Tratamentos
  • Contato

TRATAMENTOS

  • Clínica geral estética e Ortodontia
  • Reabilitação oral
  • Implantodontia
  • Próteses convencionais móveis e sobre implantes
  • Sorriso gengival
  • Cirurgias periodontais
  • Cirurgias de dentes inclusos
  • Tratamento de canal

CONTATO

  • (21) 98040-0004 whatsapp icon
  • Centro Profissional Barra Shopping, Sala 211 - Barra da Tijuca

Siga-nos nas rede sociais
icon1 icon3